Início / Blog / Matemática / Matemática e o Cubo Mágico

Matemática e o Cubo Mágico

Responsive Image

Olá, vestibulandos do curso Hexag. Fiquei na dúvida sobre o que postar nesse novo canal de comunicação disponível aqui pelo Hexag, então decidi abordar duas coisas que gosto muito: Matemática e Cubo Mágico!

Para muitas pessoas o cubo não tem nenhuma relação com a matemática, não é de se espantar, visto que muitas pessoas solucionam o puzzle sem o uso de qualquer cálculo matemático, decorando algoritmos e seguindo tutorias que tem aos montes na internet. Porém, alguns vão além. Não contentes em solucionar o cubo, pessoas do mundo todo buscavam um método padrão para solucioná-lo. Em 1981, um matemático desenvolveu um algoritmo para resolver o cubo de qualquer posição em no máximo 52 movimentos. Em 1990, esse número era de 42, em 2005 era de 28 e, em 2010, esse número caiu para 20. Para esse cálculo, até o google entrou na brincadeira, pois foi necessário um “super computador” para auxiliar.

Veja o site: http://www.cube20.org/

Combinações e Arranjos aprendidos em análise combinatória são ferramentas fundamentais para se calcular o número de configurações total do cubo:

Fonte: http://bit.ly/1w1kfkc

Além da parte algébrica, posso falar que existe muita geometria nos outros tipos de puzzles que surgiram baseados no cubo inventado por Erno Rubik, provando que não existe limite para a criatividade, pois além do cubo, existem paralelepípedos, dodecaedros, cilindros, pirâmides, esferas e muitas outras formas.

Matemática e Cubos Mágicos

Para finalizar, segue um vídeo do campeonato que participei em 2009:

Em julho, terá um campeonato mundial e será em São Paulo!

Informações: http://bit.ly/1z2Mf1u

Os artigos assinados são de responsabilidade dos autores e não refletem necessariamente a opinião do Hexag.

Compartilhe

Sobre o autor

Professor Rogério Okuhara Matemática

Rogerio

Rogério Okuhara é professor de Matemática no Hexag Vestibulares.

Comentários

Responsive Image