Início / Blog / Atualidades / Teoria Científica e Religião

Teoria Científica e Religião

Responsive Image

Temas como religião e ciência são mais que recorrentes nos vestibulares, até mais que isso, talvez seja um dos temas mais palpáveis ao cotidiano dos alunos. Logo, iniciemos nossa reflexão.

“A matéria que o constitui desde que você nasceu, é tão velha quanto o cosmos, a forma pode ser nova e única, mas os materiais, já tem 13,7 bilhões de anos… eu já contei a diversas crianças sobre estrelas, átomos, galáxias e o Big Bang, e eu NUNCA vi o medo em seus olhos, apenas o encanto e a curiosidade. Elas querem mais! Por que as crianças nadam enquanto os adultos se afogam? O que aconteceu com a realidade entre a infância e a idade adulta? Será que alguém prometeu algo que é tão lindo que o nosso universo parece estúpido e vazio…” (trecho de A ciência salvou minha alma).

É fato que as teorias científicas moldam a humanidade desde os tempos remotos. O que dizer sobre a teoria hipocrática (400 a.c) que pois um fim na medicina mística e deu início a observação científica dos fatos clínicos? Podemos citar também a matemática euclidiana, teoria dos movimentos planetários, da cinemática, teoria celular, quântica, entre tantas outras.

Sabe-se também que as religiões nunca foram fixas e até mesmo elas evoluem, a passos lentos é verdade, mas evoluem. O cristianismo é o maior exemplo disso, passou a aceitar a teoria do Big Bang e também teoria da seleção natural de Charles Darwin.

Muitos pensadores e cientistas como Galileu, Voltaire, Nostradamus, Dante e tantos outros sofreram com o viés obscurantista (não utilização da razão na busca de soluções para os problemas da humanidade). Perseguição, inquisição, queima de livros e até mesmo a morte em nome de um ser supremo eram bastante comuns em séculos passados. As muitas religiões, tentam até hoje restringir os pensamentos através de simples frases como: você vai para o inferno ou Deus está vendo tudo o que você está fazendo. Esta tentativa de controle é bastante comum, mas a cada dia que passa presenciamos o surgimento de gerações e mais gerações que acreditam ou querem acreditar na ciência. E por que isso?

Simples, é porque a teoria científica não é algo fixo e enrijecido nos moldes da religião, mas sim algo totalmente oposto à isto. Temos hoje teorias como a origem da vida, da endossimbiose, etc. que podem mudar a qualquer momento e aqueles que acreditam na pesquisa científica não terão problema algum em aceitar tais mudanças, muito pelo contrário, as aceitarão como explicação mais plausível e atual para tais fenômenos.

Acreditar na ciência, é confiar no trabalho de milhares de cientistas que dedicam suas vidas para compreender os fenômenos existentes em nosso planeta e fora dele. Mais que isso, é crer na conexão entre o indivíduo e o universo, é saber que você não é nada mais que o universo e o universo não é nada mais que você, é saber que tudo está conectado e em constante transformação. E se tem algo que nos aproxima de Deus ou algo supremo, este algo se chama ciência.

Um forte abraço.
Prof. Kim

Os artigos assinados são de responsabilidade dos autores e não refletem necessariamente a opinião do Hexag.

Compartilhe

Sobre o autor

Professor Kim - Biologia Hexag Medicina

Kim

Kim é professor de Biologia no Hexag Vestibulares.

Comentários

Responsive Image